Todos os post de

WebMaster Comunidade Fidelidade

Roteiro – Jesus nos chama a liderança II – 02 a 08 de outubro

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Leiam o roteiro com atenção. Ore e estude a proposta e a palavra de Deus com antecedência.

Líder, incentive e participe do Grupo Parusia de Oração!

(Relembrar e pedir se fizeram o evangelismo da Semana anterior)

Download do Roteiro da Semana

ROTEIRO DA REUNIAO DE CELULA SEMANAL – 02 a 08 de outubro

==========================================================================================

Download da declaração de Ideais para Imprimir: DECLARAÇÃO DE IDEAIS

Confira também o livreto de boas vindas à Célula em: LIVRETO DE BOAS VINDAS

O Amor multiplicador de Deus – Monica Priscila

Por | FORMAÇÃO DE LIDERES, FORMAÇÕES

Você já deve ter ouvido dizer que células saudáveis crescem e se multiplicam, mas você sabe o porquê?

Para entender melhor precisamos compreender de onde vem e o que é multiplicação.

Multiplicar vem do Latim multiplicatio, ato de aumentar, tornar várias vezes maior em número, em quantidade ou intensidade. É Também produzir seres semelhantes a si mesmo, reproduzir-se, tornar – se numerosos.

A multiplicação é citada na Bíblia desde o início da criação para frutificar nesta terra todo o crescimento sobre todas as espécies e criaturas tornando –as numerosas.

Depois de criar o homem à sua imagem e semelhança, Deus ordena o crescimento, que se espalhem por toda a terra, para que por toda parte possa haver homens à imagem e semelhança de Deus: “Quanto a vocês, sejam fecundos e se multipliquem, povoem e dominem a terra.” Gênesis 9,7

Essa multiplicação, sonho de Deus não aconteceu, como planejado O pecado criou a ruptura entre Deus e o homem, requerendo da parte humana muito esforço para se tornar novamente imagem e semelhança do criador. Foi assim que Deus enviou seu próprio Filho para nos resgatar e ensinar com sua Palavra e Testemunho como alcançar novamente o Reino dos Céus.

No livro do Gênesis Deus sopra sobre as narinas do homem o sopro da vida: “Então, do pó da terra, o SENHOR formou o ser humano. O SENHOR soprou no nariz dele uma respiração de vida, e assim ele se tornou um ser vivo.”  Gênesis 2,7

Deus nos incumbiu e abençoou com o sopro divino conferiu sobre nós toda sua graça para frutificar, multiplicar e submeter a Terra, e ainda concedeu-nos a dádiva da vida, pela sua infinita misericórdia, para sermos fiéis, puros e santos, assim como Ele é.

Assim também, novamente Jesus sopra sobre nós a vida nova através do Espírito Santo de Deus: “Depois soprou sobre eles e disse: —Recebam o Espírito Santo.” Autor e princípio de toda boa obra, inspirador e sopro indispensável para que a multiplicação aconteça.

A ordem de Deus no início da criação, o sonho de Deus para a humanidade:  Crescei e multiplicai -vos, Em Jesus e pelo Espírito Santo que nos foi derramado, agora ganha mais força nas palavras Frutificai e Ide Evangelizar: “Eu sou a videira, e vocês são os ramos. Quem está unido comigo e eu com ele, esse dá muito fruto porque sem mim vocês não podem fazer nada.”  Em outras citações cresçam e submetam a terra, ou seja: “E disse-lhes: “Vão pelo mundo todo e preguem o evangelho a todas as pessoas.” Marcos 16:15

Entendemos assim que este é o Sonho de Deus para nós desde o princípio. Que nos tornemos semelhantes a Ele e amemos o nosso próximo como Ele mesmo nos ama, espalhando assim por toda a parte o Amor multiplicador de Deus.

Santifica -te e santifica.

Mônica Priscila

Roteiro – Jesus nos chama à Liderança – 25 a 30 de Setembro

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Leiam o roteiro com atenção. Ore e estude a proposta e a palavra de Deus com antecedência.

Líder, incentive e participe do Grupo Parusia de Oração!

(Relembrar e pedir se fizeram o evangelismo da Semana anterior)

Download do Roteiro da Semana

ROTEIRO DA REUNIAO DE CELULA SEMANAL – 24 a 30 de setembro

==========================================================================================

Download da declaração de Ideais para Imprimir: DECLARAÇÃO DE IDEAIS

Confira também o livreto de boas vindas à Célula em: LIVRETO DE BOAS VINDAS

Roteiro – Jesus é a porta – 18 a 24 de Setembro de 2017

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Leiam o roteiro com atenção. Ore e estude a proposta e a palavra de Deus com antecedência.

Líder, incentive e participe do Grupo Parusia de Oração!

(Relembrar e pedir se fizeram o evangelismo da Semana anterior)

Download do Roteiro da Semana

ROTEIRO DA REUNIAO DE CELULA SEMANAL – 18 a 24 de setembro

==========================================================================================

Download da declaração de Ideais para Imprimir: DECLARAÇÃO DE IDEAIS

Confira também o livreto de boas vindas à Célula em: LIVRETO DE BOAS VINDAS

Célula: Império da Graça – Por Monica Priscila

Por | DESTAQUES, FORMAÇÃO DE LIDERES

Analisando as sagradas escrituras descobrimos que Deus sempre se preocupa com os seres humanos, desde Gênesis reforça: “Não é bom que o homem esteja só” Genêsis,18a

Na comunidade que se forma em Pentecostes, Jesus potencializa esta unidade em seus apóstolos, deixando um legado que perdura até os nossos tempos: “Ide Evangelizai” Mateus 28:19. Atender a este apelo do Senhor é estar sob o Império da Graça.

Império – do Latim Imperium, denota poder, autoridade, recinto, coreto, capela ou ermida de madeira ou de pedra, onde se põe a coroa do Espírito Santo no Domingo de Pentecostes. Este poder e força do alto que foi derramado no cenáculo de Pentecostes, reforça todo o poder da força do Espírito Santo que age em nós enquanto comunidade, “Quando chegou o dia de Pentecostes, todos os seguidores de Jesus estavam reunidos no mesmo lugar.” Atos 2:1.

Viver em célula é estar reunidos no mesmo lugar, reforçando os seus ensinamentos e deixando que o próprio Espírito Santo de Deus venha nos formar e transformar-nos de seres isolados, só, fechados em si mesmo que não sabem de onde vem e para onde ir, em um ser novo à sua imagem e semelhança.

É uma nova dimensão e visão que alcançamos e é Ele mesmo, o Espírito Santo que nos impulsiona a ir além, ganhamos nova identidade de filhos de Deus e novos irmãos que seguem conosco a caminhada de fé.

Revestidos de nova visão e oração adentramos neste império onde o Espírito Santo age em nós e a partir de nós com toda a sua autoridade e poder.
A Graça que nos é concedida é tão grande que nem sabemos como explicar em palavras.

Graça – do latim Gratia, significa benevolência, mercê, estima. Diz-se que alguém que tem graça, agrada e atraí outras pessoas através de suas palavras e atitudes.
Certamente deve ser por isso que nos narra Atos dos Apóstolos as inúmeras graças operadas entre eles e até hoje no meio de nós, por meio do Espírito Santo de Deus.

“Os apóstolos faziam muitos milagres e maravilhas, e por isso todas as pessoas estavam cheias de temor. Todos os que criam estavam juntos e unidos e repartiam uns com os outros o que tinham. Vendiam as suas propriedades e outras coisas e dividiam o dinheiro com todos, de acordo com a necessidade de cada um. Todos os dias, unidos, se reuniam no pátio do Templo. E nas suas casas partiam o pão e participavam das refeições com alegria e humildade. Louvavam a Deus por tudo e eram estimados por todos. E cada dia o Senhor juntava ao grupo as pessoas que iam sendo salvas.” Atos 2:43-47

Estar sob o Império da Graça é viver segundo a vontade de Deus, Unidos crescendo no amor, na partilha em célula.

É o Espírito Santo de Deus produz em nós o amor, a alegria, a paz, a paciência, a delicadeza, a bondade, a fidelidade, a mansidão que nos sãos necessários para viver em comunhão com Deus e com os irmãos.

Conforme São Paulo narra em sua carta aos Gálatas 5:22.

Adquirimos esta feição de Deus caminhando juntos, partindo o pão nas casas, louvando a Deus por tudo e a cada dia recebendo novos irmãos e irmãos que trilham o mesmo caminho de salvação.
Fazer parte do Império da Graça, de uma célula é uma dádiva de Deus, somos convidados a espalhar estas sementes pelo mundo para que até os mais distantes possam ouvir os apelos do Senhor.

Que Deus nos conceda Graça e Crescimento em todos os nossos empreendimentos.

E que a Graça de estarmos juntos e unidos nos ajude a superar qualquer dificuldade e tempestade que possa haver em nossos caminhos.
Paz e Bem! – Mônica Priscila
Santifica-te e Santifica!

Roteiro – Reconhecendo nossas fraquezas – 11 a 17 de Setembro

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Leiam o roteiro com atenção. Ore e estude a proposta e a palavra de Deus com antecedência.

Líder, incentive e participe do Grupo Parusia de Oração!

(Relembrar e pedir se fizeram o evangelismo da Semana anterior)

Download do Roteiro da Semana

ROTEIRO DA REUNIAO DE CELULA SEMANAL – 11 a 17 de setembro

==========================================================================================

Download da declaração de Ideais para Imprimir: DECLARAÇÃO DE IDEAIS

Confira também o livreto de boas vindas à Célula em: LIVRETO DE BOAS VINDAS

Roteiro – As tempestades e as perseguições – 04 a 10 de setembro

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Leiam o roteiro com atenção. Ore e estude a proposta e a palavra de Deus com antecedência.

Líder, incentive e participe do Grupo Parusia de Oração!

(Relembrar e pedir se fizeram o evangelismo da Semana anterior)

Download do Roteiro da Semana

ROTEIRO DA REUNIAO DE CELULA SEMANAL – 04 a 10 de setembro

==========================================================================================

Download da declaração de Ideais para Imprimir: DECLARAÇÃO DE IDEAIS

Confira também o livreto de boas vindas à Célula em: LIVRETO DE BOAS VINDAS

O Tratado da Verdadeira Devoção, grande legado de São Luís Maria

Por | DESTAQUES, FORMAÇÕES

Tratado da Verdadeira Devoção a Santíssima Virgem

O “Tratado da Verdadeira Devoção a Santíssima Virgem” é uma obra de São Luís Maria Grignion de Montfort (?1673 – ?1716), escrita por ele pouco antes de sua morte. O livro nos fala da devoção a Nossa Senhora e da necessidade da consagração a Ela. Além disso, o Tratado nos dá um método simples e eficaz de consagração, de nos entregar inteiramente a Maria.O manuscrito do Tratado ficou perdido durante 130 anos, de 1712 a 1842, quando foi encontrado em uma caixa por um padre da congregação fundada por Montfort. 

Isto foi predito pelo Santo em seu Escrito: “Prevejo que muitos animais frementes virão em fúria para rasgar com seus dentes diabólicos este pequeno escrito […] Ou pelo menos procurarão envolver este livrinho nas trevas e no silêncio duma arca, a fim de que não apareça” (TVD 114).

A finalidade deste livro, segundo São Luís Maria, é mostrar como Maria Santíssima ainda é desconhecida, o que é uma das razões de Jesus Cristo não ser conhecido como deve ser. O Tratado nos leva ao conhecimento do Reino da Virgem Maria e ao conhecimento do Reino de Cristo. São Luís também diz que Jesus veio ao mundo por Maria e por Ela deve voltar no fim dos tempos: “Ela deu Jesus Cristo ao mundo a primeira vez, a há de fazê-lo resplandecer também na segunda vez” (TVD 13).

Links do Livro

(RTF)   Salvar Livro Tratado da Verdadeira Devoção 

(PDF) 
  Salvar Livro Tratado da Verdadeira Devoção 

Outro modelo

(PDF)   Salvar Livro Tratado da Verdadeira Devoção 

Preparação para a total consagração

Preparação para a consagração – Exercícios Espirituais


Tratado da Verdadeira Devoção a Santíssima Virgem – São Luís Maria Grignion de Montfort

Os significados da Medalha

Por | N. S. DAS GRAÇAS

A face principal da Medalha

A Santíssima Virgem de pé sobre o globo terrestre: isso significa que Ela, além de ser Nossa Mãe do Céu, é também a Rainha da Terra e de todo o Universo.

Ela esmaga sob seus pés uma serpente que representa o demônio, que tenta continuamente os homens com o intuito de levá-los para o inferno.

Nossa Senhora tem um poder incomparavelmente maior que o do demônio. Ela protege todos os filhos que Lhe pedem
com confiança.

De Seus dedos saem raios de luz. Estes raios representam as graças que a Santíssima Virgem concede aos que se devotam a Ela. Perguntada por Santa Catarina por que de alguns dedos não saíam raios, Ela respondeu que desejava conceder mais graças, porém os homens não Lhe pediam.

A data de 1830 marca o ano das aparições de Nossa Senhora nas quais Ela revelou a Medalha a Santa Catarina Labouré. Foi no final da tarde do dia 27 de novembro.

Em volta da Medalha lê-se a frase: “Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a Vós”. Nossa Senhora mandou colocar na Medalha esta curta oração para que ela fosse repetida com freqüência.

O verso da Medalha

O grande “M” tendo sobre si uma cruz, é a inicial do nome de Maria. A cruz é a Cruz de Jesus, que morreu por nós. Aos pés da Cruz encontra-se Maria que sofre e nos anima em união completa com Jesus.

Em volta da Medalha estão desenhadas doze estrelas: é a coroa da Santíssima Virgem. Como Rainha do Céu e da Terra, Nossa Senhora tem uma coroa de doze estrelas que representam seu poder sobre toda a Criação. Tudo o que Ela pede a Deus, Ela obtém. Lado a lado, estão o Coração de Jesus e o Coração de Maria. Duas pequenas chamas indicam que eles queimam de amor por nós.

À esquerda, o Coração de Jesus está envolto por uma coroa de espinhos e tem uma chaga aberta que sangra. São nossos pecados e nossas más ações que O fazem sofrer: para redimir nossos pecados Ele foi coroado de espinhos. Ele morreu na Cruz e Seu Coração foi transpassado por uma lança.

À direita, o Coração de Maria está atravessado por uma espada que representa toda a dor que Ela sentiu durante a Paixão de Seu Filho por nós. Ela ofereceu esses sofrimentos em união aos de Jesus para que nós nos salvemos e possamos ir ao Céu.

SIGNIFICADO E SIMBOLISMO DE NOSSA SENHORA DAS GRAÇAS

Por | N. S. DAS GRAÇAS

Conheça os símbolos contidos na imagem de Nossa Senhor das Graças.

A aparição de Nossa Senhora das Graças

A primeira vez que a Virgem Maria se revelou como Nossa Senhora das Graças, foi em 1830, numa aparição a Santa Catarina Labouré, em Paris, França. Na aparição, Maria disse que tem muitas e muitas graças para dar à humanidade, mas as pessoas não as pedem. Vamos, então, conhecer os símbolos da imagem.

A túnica e o véu de Nossa senhora das Graças

A túnica e o véu na cor branca que aparecem na imagem de Nossa senhora das Graças simbolizam a pureza da Virgem Maria. Com efeito, ela é “Cheia de Graça”, segundo as palavras do Anjo Gabriel (Lucas 1, 28). O véu era usado sobre os cabelos pelas mulheres judias como sinal de pureza e recato.

O cinto azul

O cinto azul de Nossa Senhora das Graças representa o céu e está ligado à túnica branca. Isto significa que para chegar ao céu é preciso pureza de coração e santidade. Claro que, para isso, contamos com a misericórdia de Deus e a intercessão de Nossa Senhora.

O manto azul de Nossa Senhora das Graças

O manto de Nossa senhora representa o céu. Significa que a Virgem Maria é um ser humano que está no céu, gozando da irrestrita presença de Deus, bem como da glória celestial. E estando lá, diante de seu Filho Jesus, ela pode interceder por todos nós, que somos seus filhos adotivos.

A coroa de doze estrelas

A coroa de doze estrelas é um símbolo forte nas imagens de Nossa Senhora. Significa que a Virgem Maria é rainha do céu e da terra. As doze estrelas vem da visão de São João, que está em Apocalipse 12, 1 e significam os doze Apóstolos. Eles são as colunas da Igreja. A coroa de Nossa Senhora com doze estrelas significa que Nossa senhora é Rainha em conformidade com a doutrina dos Apóstolos.

A serpente debaixo dos pés de Nossa Senhora das Graças

A serpente debaixo dos pés de Nossa Senhora das Graças simboliza o demônio vencido pela “Nova Eva”, obediente e pura. Dizendo “sim” a Deus e gerando Jesus, a Virgem Maria “esmagou a cabeça da serpente”, como nos fora prometido por Deus no livro do Gênesis 3, 15. Por isso, quem procura se aproximar da Mãe Maria com sinceridade de coração, vence as tentações do maligno e se aproxima cada vez mais de Deus.

O globo sob os pés de Maria

Veja as palavras da própria Virgem Maria a Santa Catarina Labouré: “Este globo que vês representa o mundo inteiro e especialmente a França, e cada pessoa em particular.” O globo terrestre debaixo dos pés de Nossa Senhora significa que ela tem poder de intercessão para salvar o mundo. Porém, é preciso que os cristãos peçam isso a ela incessantemente. O mundo também representa cada pessoa em particular, que pode ser salva pela intercessão da Mãe.

Os raios saindo das mãos de Nossa Senhora das Graças

Os raios saindo das mãos de Nossa senhora das Graças tem um significado maravilhoso. Veja as palavras da Mãe sobre isso: “Os raios são o símbolo das Graças que derramo sobre as pessoas que Me as pedem. Os raios mais espessos correspondem às graças que as pessoas se recordam de pedir. Os raios mais finos correspondem às graças que as pessoas não se lembram de pedir.” Em outra aparição, Nossa Senhora lamentou dizendo a Santa Catarina Labouré: “Tenho muitas e muitas graças para dar à humanidade, mas as pessoas não mas pedem.”

Oração a Nossa Senhora das Graças

“Ó Imaculada Virgem Mãe de Deus e nossa Mãe, ao contemplar-vos de braços abertos derramando graças sobre os que vo-las pedem, cheios de confiança na vossa poderosa intercessão, inúmeras vezes manifestada pela Medalha Milagrosa, embora reconhecendo a nossa indignidade por causa de nossas inúmeras culpas, acercamo-nos de vossos pés para vos expor, durante esta oração, as nossas mais prementes necessidades (momento de silêncio e de pedir a graça desejada). Concedei, pois, ó Virgem da Medalha Milagrosa, este favor que confiantes vos solicitamos, para maior glória de Deus, engrandecimento do vosso nome, e o bem de nossas almas. E para melhor servirmos ao vosso Divino Filho, inspirai-nos profundo ódio ao pecado e dai-nos coragem de nos afirmar sempre verdadeiros cristãos. Amém.”Rezar 3 Ave-Marias e depois a jaculatória: Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós.

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DAS GRAÇAS

“Maria conhece todas as nossas necessidades, mágoas, tristezas, misérias e esperanças. Interessa-se por cada um de seus filhos, roga por cada um com tanto ardor como se não tivera outro”. (Serva de Deus, Madre Maria José de Jesus)

Ó Imaculada Virgem Mãe de Deus e nossa Mãe, ao contemplar-vos de braços abertos derramando graças sobre os que vo-las pedem, cheios de confiança na vossa poderosa intercessão, inúmeras vezes manifestada pela Medalha Milagrosa, embora reconhecendo a nossa indignidade por causa de nossas inúmeras culpas, acercamo- nos de vossos pés para vos expôr, durante esta oração, as nossas mais prementes necessidades (momento de silêncio e de pedir a graça desejada).

Concedei, pois, ó Virgem da Medalha Milagrosa, este favor que confiantes vos solicitamos, para maior Glória de Deus, engrandecimento do vosso nome, e o bem de nossas almas. E para melhor servirmos ao vosso Divino Filho, inspirai-nos profundo ódio ao pecado e dai-nos coragem de nos afirmar sempre como verdadeiros cristãos.

Rezar 3 Ave Marias.

Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós. Amém.