Todos os post de

WebMaster Comunidade Fidelidade

Quer ser feliz? Este é o convite do Papa Francisco.

Por | PALAVRA DA IGREJA

O Papa Francisco fez uma reflexão centrada nas “Bem-aventuranças” na janela do Palácio Apostólico do Vaticano antes de rezar a Oração do Ângelus, e assegurou que para ser feliz é necessário levá-las a cabo, torná-las concretas na própria vida.

“O pobre em espírito é o cristão que não confia em si mesmo, nas suas riquezas materiais, não se obstina nas suas opiniões pessoas, mas escuta com respeito e segue respeitosamente as decisões de outros”, disse o Pontífice.

Ao comentar as leituras do dia, Francisco disse que “Jesus manifesta a vontade de Deus de conduzir a humanidade à felicidade”. “Nesta pregação, Jesus segue um caminho especial: Começa com a palavra ”bem-aventurados”, ou seja, felizes; continua com a indicação da condição para ser felizes; e conclui fazendo uma promessa”.

O Santo Padre explicou: “Parte-se da condição de desconforto para se abrir ao dom de Deus e ter acesso ao mundo novo, o ‘reino’ anunciado por Jesus”. “Não é um mecanismo automático, mas um caminho de vida no seguimento do Senhor, pelo qual a realidade da dificuldade e da aflição é vista em uma perspectiva nova e experimentada segundo a conversão que é levada a cabo”.

“Não podem ser bem-aventurados se não se converteram”, se não se tornaram “capazes de apreciar e viver os dons de Deus”, disse o Papa.

Em seguida, Francisco comentou a bem-aventurança: “Bem-aventurados os pobres em espírito” e disse que “o pobre em espírito é aquele que assumiu os sentimentos e a atitude daqueles pobres que em sua condição não se rebelam, mas sabem ser humildes, dóceis, disponíveis à graça de Deus”.

“A felicidade dos pobres em espírito tem duas dimensões: Em relação aos bens materiais é a sobriedade: não necessariamente renúncia, mas capacidade de experimentar o essencial, de partilha; capacidade de renovar todos os dias a admiração pela bondade das coisas, sem sucumbir na opacidade do consumo voraz”.

“Quanto mais tenho, mais quero; mais tenho, mais quero. E isso mata a alma. E o homem ou a mulher que faz isso, não é feliz e não alcançará a felicidade”, manifestou.

Por outro lado, em relação a Deus, afirmou: “é louvor e reconhecimento que o mundo é bênção e que na sua origem está o amor criador do Pai. Mas é também abertura a Ele, docilidade a sua senhoria: é Ele, o Senhor, é Ele o Grande, não eu sou grande porque tenho tantas coisas”! É Ele: Ele que quis o mundo para todos os homens e o quis para que os homens fossem felizes”, acrescentou.

VATICANO, 29 Jan. 17 / 12:00 pm

6 maneiras de tornar a sua experiência no Facebook mais positiva e saudável

Por | FORMAÇÕES

Sair do Facebook está entre as suas promessas de Ano Novo? Ou você está pensando em fazer isso na Quaresma? Eu até pensei nisso como uma opção, mas decidi que não vou cortar meus laços com a mídia social. Embora, às vezes, estar nas redes sociais seja uma ocasião para fofocar e, muitas vezes, um desperdício de tempo, é de um valor inestimável para uma mãe dona de casa introvertida como eu participar delas. O que eu decidi, em vez disso, é trabalhar maneiras de tornar minha experiência no Facebook mais positiva e saudável. Aqui estão as resoluções que estou considerando:

  1. Oculte as publicações de quem o magoa. Há uma linha tênue entre ser aberto a pessoas que discordam de você e simplesmente se deixar magoar. Se você ficar irritado cada vez que uma determinada pessoa aparece em seu feed, você pode alterar suas configurações para esconder as postagens dessa pessoa. Vocês ainda serão amigos, você verá qualquer coisa que esta pessoa escrever diretamente para você, e ela não saberá que você deixou de segui-la. Eu passei por minha lista de amigos há alguns meses e deixei de seguir um monte de gente, e eu não me arrependi. Posso sempre voltar a seguir alguns deles no futuro, se eu me sentir mais pronto ou capaz de lidar com seus posts.
  1. Na mesma linha, rodeie-se de boas influências. Curtir muitas páginas e personalidades pode fazer com que você fique atolado e perca seu tempo percorrendo as atualizações. Porém, algumas fanpages cuidadosamente escolhidas podem ser edificantes. Existem muitas boas páginas católicas no Facebook que oferecem oportunidades para pequenos momentos de oração e meditação. São também importantes para você se conectar com pessoas que compartilham seus interesses. Eu sou membro de um grupo de bordados que se concentra totalmente em “mostrar e contar”. É um ótimo refúgio da política e todos os problemas do mundo, e uma boa maneira de animar os outros e se animar.
  1. Não seja um escravo de seu feed de notícias. Não há necessidade de rolar e rolar até que você leia cada item. Isso não é só uma perda de tempo, mas também expõe a pessoa a muitos anúncios e coisas de que realmente não precisamos saber, como qual post de celebridade meus amigos estão comentando. Minha promessa para a Quaresma é visitar apenas os perfis de meus amigos, em vez rolar sem pensar em tudo no meu feed. Dessa forma, vou usar o Facebook para acompanhar as pessoas que eu amo. Existem vários aplicativos para ajudar neste sentido.
  1. Use o Facebook para a intercessão. Recentemente, eu passei por alguns dias de depressão pesada, e derramei minhas entranhas no Facebook para pedir orações. O fluxo de respostas me fez sentir amada e cuidada, e as orações de meus amigos me levantaram em poucas horas. Funciona de outra forma também: o feed de notícias oferece muitos lembretes para orar por amigos e familiares, bem como por estranhos, clérigos e líderes políticos. Quando você vê um pedido de oração, pare e traga-o para Deus, ali mesmo; um rápido “Deus abençoe fulano de tal” é melhor do que um terço que você vai adiando, adiando até se esquecer.
  2. Use o Facebook para atos de misericórdia. O Facebook tem o potencial de ser uma comunidade, e para alguém que é introvertido, deprimido ou isolado, pode ser um verdadeiro estilo de vida. Aproveite! Como minha mãe costumava me dizer, se você quer que seus amigos escrevam cartas, escreva primeiro. Tome um minuto para enviar aos seus amigos uma foto ou uma música que eles vão apreciar, ou enviar uma mensagem rápida para verificar se alguém está passando por um momento difícil. Você nunca sabe quando esses pequenos atos de amizade virão no momento perfeito para alguém que esteja precisando.
  3. Espere antes de postar. Esta é mais difícil. Minha promessa é esperar uma hora antes de clicar “publicar” em qualquer mensagem que eu escrever. Justamente, para ter certeza de que eu não estou agindo com emoção e enviando alguma coisa de que eu vou me arrepender depois.

Eu acho que é possível resistir à tentação do Facebook sem exageros. De qualquer forma, eu vou tentar.

_____________

Por Rosie Herried

Rosie Herreid mora em New England, Estados Unidos, com seu marido e 4 filhos.

Roteiro – Vivendo em três dimensões – 30/01 à 05 de Fevereiro

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Leiam o roteiro com atenção. Ore e estude a proposta e a palavra de Deus com antecedência.

Líder, incentive e participe do Grupo Parusia de Oração!

(Relembrar e pedir se fizeram o evangelismo da Semana anterior)

Download do Roteiro da Semana

ROTEIRO DA REUNIAO DE CELULA SEMANAL – 30 Jan a 05 Fev

Todos os pactos em folha única

Pacto de Oracao

==========================================================================================

Download da declaração de Ideais para Imprimir: DECLARAÇÃO DE IDEAIS

Confira também o livreto de boas vindas à Célula em: LIVRETO DE BOAS VINDAS

Roteiro – Tema: Não troque o certo pelo duvidoso – 23 a 29 de Janeiro

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Leiam o roteiro com atenção. Ore e estude a proposta e a palavra de Deus com antecedência.

Líder, incentive e participe do Grupo Parusia de Oração!

(Relembrar e pedir se fizeram o evangelismo da Semana anterior)

Download do Roteiro da Semana

Roteiro-da-reuniao-de-celula-semanal-23-a-29-de-janeiro

Todos os pactos em folha única

Pacto de Assiduidade

==========================================================================================

Download da declaração de Ideais para Imprimir: DECLARAÇÃO DE IDEAIS

Confira também o livreto de boas vindas à Célula em: LIVRETO DE BOAS VINDAS

Roteiro – Tema: Vencendo os medos – 16 a 22 de Janeiro

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Leiam o roteiro com atenção. Ore e estude a proposta e a palavra de Deus com antecedência.

Líder, incentive e participe do Grupo Parusia de Oração!

(Relembrar e pedir se fizeram o evangelismo da Semana anterior)

Download do Roteiro da Semana

roteiro-da-reuniao-de-celula-semanal-16-a-22-de-janeiro

Todos os pactos em folha única

pacto-de-prestao-de-contas

==========================================================================================

Download da declaração de Ideais para Imprimir: DECLARAÇÃO DE IDEAIS

Confira também o livreto de boas vindas à Célula em: LIVRETO DE BOAS VINDAS

Roteiro – Tema: O Propósito da Comunhão – 09 a 15 de Janeiro

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Leiam o roteiro com atenção. Ore e estude a proposta e a palavra de Deus com antecedência.

Líder, incentive e participe do Grupo Parusia de Oração!

(Relembrar e pedir se fizeram o evangelismo da Semana anterior)

Download do Roteiro da Semana

Roteiro-da-reuniao-de-celula-semanal-09-a-15-de-janeiro

Todos os pactos em folha única

Pacto-de-disponibilidade

==========================================================================================

Download da declaração de Ideais para Imprimir: DECLARAÇÃO DE IDEAIS

Confira também o livreto de boas vindas à Célula em: LIVRETO DE BOAS VINDAS

Roteiro – Tema: Pequenos, mas poderosos – 02 a 08 de Janeiro

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Leiam o roteiro com atenção. Ore e estude a proposta e a palavra de Deus com antecedência.

Líder, incentive e participe do Grupo Parusia de Oração!

(Relembrar e pedir se fizeram o evangelismo da Semana anterior)

Download do Roteiro da Semana

Roteiro-da-reuniao-de-celula-semanal-02-a-08-de-janeiro

Todos os pactos em folha única

Pacto-de-sensibilidade

==========================================================================================

Download da declaração de Ideais para Imprimir: DECLARAÇÃO DE IDEAIS

Confira também o livreto de boas vindas à Célula em: LIVRETO DE BOAS VINDAS

2017 – O Ano do Resgate – Consagrando o Ano Novo a Cristo – Daniel Oliveira

Por | PARTILHA DO FUNDADOR
  • Escritura: Gênesis 2, 19-20 / Filipenses 4, 8

Todo ano traz 365 dias cheios de possibilidades e de potencial ilimitados. Todavia, podemos estragar esses dias que Deus nos dá, permitindo que se apossem de nós as tristezas, as derrotas, o desânimo, os fracassos, ou podemos preenchê-los com atividades criativas, cheias de alegria, vitórias e bênçãos. Assim é que cada ano nos é dado por Deus e, com ele, a grave responsabilidade de usá-lo e enchê-lo de vitórias e grandes realizações.

Desejo demonstrar três maneiras de você viver vitoriosamente cada ano que se inicia, alcançando nele grandes sucessos.

Em primeiro lugar, vamos conversar a respeito de sua vida mental, isto é, seus pensamentos. A maior bênção que o Senhor derramou sobre nós foi a capacidade de pensar. Todas as coisas que nos rodeiam, feitas pelo ser humano, são produtos de nosso pensamento, portanto, o pensamento é a fonte básica da criação e de todas as coisas.

Nossa mente é o ponto de encontro dos mundos espirituais. Nós encontramos Deus em sua Palavra. Os pensamentos de Deus veem revestidos de boas palavras que por meio da leitura e memorização das Sagradas Escrituras entram em nossa mente e conduzem nosso pensamento para o que é bom como lemos em Filipenses.

O diabo também pode ocupar os pensamentos humanos. Ele projeta na tela de nossos pensamentos toda sorte de tentações e de pensamentos destrutivos e negativos. Se uma pessoa der guarita aos pensamentos do diabo, ele penetrará em sua mente e a controlará, com o objetivo de induzir essa pessoa a praticar obras malignas. Que pensamentos você escolhe ter?

Em segundo lugar, eu gostaria de referir-me a sua visão. Quando você concentra seus olhos em alguma coisa, essa visão atrai uma espantosa capacidade criativa para o bem ou para o mal.

Considere a experiência de Abrão, no momento em que ele recebeu a terra de Canaã, a Bíblia narra o fato em Gênesis 13,14-15: “De onde você está, olhe bem para o norte e para o sul, para o leste e para o oeste. Eu vou dar a você e aos seus descendentes, para sempre, toda a terra que você está vendo”. Observe a promessa de Deus “Eu vou dar a você e aos seus descendentes, para sempre, toda a terra que você está vendo”. Portanto, ver ou contemplar é o pré-requisito para a posse. Se você não ver nada, se não tiver metas para a sua vida, se não tiver sonhos para esse ano, não possuirá nada.

Temos que tomar cuidado para não ficarmos olhando os fracassos do passado e assim ficarmos paralisados. Olhe para frente, para o que Deus preparou para você! Você já pode ver a vitória pela fé!

Em terceiro lugar, atribuir nome ao ano novo. Lemos em Gênesis 2, 19 ficamos sabendo que Adão pôs nomes em todos os animais.

Imagine o tremendo poder que Deus atribuiu a Adão, para que desses nomes a todos os animais de Deus! Qualquer que fosse o nome que ele desse a um animal, esse se tornava seu nome particular e a expressão de sua natureza animal. Você pode dar nomes e rostos aos dias que são trazidos a você por Deus. Atribua nomes a seus dias e deixe-os trabalhar para você de um modo especial e maravilhoso. Vamos encarar cada dia de uma maneira nova.

Dê um nome novo a cada dia, como por exemplo: felicidade, prosperidade, saúde, paz, alegria, vitória, conquista, acolhida, resgate, entre outros. Nós da Fidelidade chamamos este Ano novo de 2017 de Ano do Resgate pois acreditamos que os alvos serão alcançados para Gloria de Deus. Visualizemos juntos as vitórias de 2017.

Coloque a Palavra de Deus em prática e você verá como a sua vida se fortalecerá e nada será capaz de destruí-la. Neste novo Ano vamos continuar juntos, vivendo a fraternidade, a paz e a evangelização para resgatarmos nossos alvos.

Roteiro – Consagrando o Ano Novo de 2017 a Cristo – 26 a 31 de dezembro

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Leiam o roteiro com atenção. Ore e estude a proposta e a palavra de Deus com antecedência.

Líder, incentive e participe do Grupo Parusia de Oração!

(Relembrar e pedir se fizeram o evangelismo da Semana anterior)

Download do Roteiro da Semana

Atenção – Nesta semana não teremos o Pacto.. Continuaremos em Janeiro.

Roteiro-da-reuniao-de-celula-semanal-26-a-31-de-dezembro

==========================================================================================

Download da declaração de Ideais para Imprimir: DECLARAÇÃO DE IDEAIS

Confira também o livreto de boas vindas à Célula em: LIVRETO DE BOAS VINDAS

Download da Tabela Periódica Bíblica = TABELA PERIODICA BIBLICA

Como ler a Bíblia = COMO USAR A BIBLIA

Neopaganismo e Esperança Cristã – Bispo Dom Pedro Carlos Cipollini

Por | PALAVRA DA IGREJA

A respeito da reportagem que mostra o resultado da pesquisa encomendada pela Igreja Católica, e que expõe a evasão de católicos e o crescimento do número de Ateus (9,4%), o que é mais preocupante, faço a reflexão que segue. É lógico que se deve levar em conta o tanto que a Igreja deve melhorar, corrigindo e primorando-se na missão evangelizadora, mas há, a meu ver uma motivação de fundo para se ter chegado a esta situação.

foto_ocial2015Não devemos ceder ao saudosismo que diz ter sido melhor o ontem do que o hoje. O realismo impõe admitir que em todas as épocas existiram pessoas boas e más, circunstâncias que ajudaram a construir um mundo melhor, e outras, que de forma negativa contribuíram para o atraso. Por outro lado, a noção grega do eterno retorno que entregava a sorte do mundo a um destino inexorável, um mundo “sempre idem”, não parece uma idéia correta diante das transformações pelas quais passamos de algumas décadas para cá.

A humanidade se move, caminha e por isso tem marcha, contramarcha, marcha a ré. Ás vezes tem saudades de etapas superadas. Refiro-me à volta do paganismo em nossa sociedade que aos poucos vai rejeitando os princípios cristãos. Pagão era a denominação das pessoas que moravam no campo ou aldeias (pagus), e que não tinham tido oportunidade de receberem a mensagem cristã, ou que a rejeitavam. Em um mundo violento como aquele no qual o Estado legislava sobre a justificação do infanticídio, e era legal divertir-se nos circos jogando pessoas para serem devoradas pelas feras, é inegável a contribuição do cristianismo para a existência de uma sociedade mais justa e fraterna.

O cristianismo vai introduzir a idéia da sacralidade da vida humana, da compaixão para com os fracos e sofredores, o milagre da partilha dos bens nas comunidades onde as pessoas se queriam como irmãos e irmãs, vai propor um novo relacionamento entre o homem e mulher, fundado no amor. O cristianismo vai colocar Deus acima de tudo, até o martírio. De fato, o que faz o mártir não é seu sofrimento, mas sua causa e no cristianismo o Reinado de Deus é a causa do cristão.

O neo paganismo se faz sentir na atualidade através do reinado absoluto do dinheiro que decretou a morte de Deus. A herotização de todos os setores e etapas da vida até a difusão da pedofilia, narcisismo, droga e violência. O homem se olha no espelho e exclama: sou Deus para mim mesmo! O ser humano não só pensa, mas “faz sua verdade”, e pretende por e dispor da vida como se fosse seu autor. A banalização da vida humana, eis o traço mais característico do que parece ser uma recaída no paganismo.

Nossa civilização, dominada pelo racionalismo iluminista decretou a “morte do Pai”: a razão nos liberta de tudo e de todos, não precisamos mais de autoridade! A morte de Deus (Pai), foi colocada como condição para a felicidade do homem. Este deve pautar sua vida pelo secularismo e ateísmo prático.

A globalização sem solidariedade está criando dois mundos antagônicos: o mundo dos ricos no qual se morre de tédio e o mundo dos miseráveis no qual se morre de fome. Como não pensar na vida condenada de milhões de pessoas, especialmente crianças sujeitas à fome e à desnutrição, causada pela iníqua distribuição de riquezas entre povos e classes sociais? Os crimes ecológicos e a violência institucionalizada? Desencadeia-se uma “conspiração contra a vida” em uma civilização de morte como alertava João Paulo II. A sociedade sem a figura do Pai (Deus) resulta em uma multidão de solitários, faz surgir o “pensamento fraco” em uma “sociedade líquida” que gera vazio. A parábola do Filho Pródigo é paradigmática neste sentido.

A situação está assim, mas não impede os cristãos de celebrar a vida com esperança renovada. Mais que nunca a missão do cristão hoje é transmitir a esperança que brota da fé. Como diz o poeta: “Está escuro, mas eu canto”. Com uma criança que nasce em Belém, com Jesus, o mundo volta a começar, pois na escuridão brilhou uma luz que ninguém poderá apagar.  É o mundo de Deus que cresce em meio ao paganismo, cresce no coração das pessoas de boa-vontade. É a semente de mostarda, escondida muitas vezes, mas que frutificará cem por um e se alastrará a partir daqueles que sabem dar esperança ao mundo.

Artigo escrito por Dom Pedro Carlos Cipollini para o Jornal Diário do Grande Abc

Cuidado com a escuridão interior que leva à vida dupla, adverte o Papa

Por | PALAVRA DA IGREJA

Não é tanto um erro quanto uma doença que está no coração e da qual o diabo tira proveito

O ponto central da homilia do Papa na manhã da terça-feira (06/12) foi o Evangelho da ovelha perdida com a alegria pela consolação do Senhor.

“Ele vem como um juiz” – explicou Francisco – “mas um juiz que cuida, um juiz cheio de ternura: faz de tudo para nos salvar”: não vem “para condenar mas para salvar”, procura cada um de nós, nos ama pessoalmente, “não ama a massa indistinta”, mas “nos ama por nome, nos ama como somos”.

A ovelha perdida – comentou o Papa – “não se perdeu porque não tinha uma bússola. Conhecia bem o caminho”. Se perdeu porque “o coração estava doente”, cego por “uma dissociação interior” e foge “para ficar longe do Senhor, para saciar aquela escuridão interior que a levava à vida dupla”: estar no rebanho e fugir para a escuridão. “O Senhor conhece estas coisas” e “vai a sua procura”. “A figura que melhor me faz entender o comportamento do Senhor com a ovelha perdida – confessa o Papa – é o comportamento do Senhor com Judas”.

“A mais perfeita ovelha perdida no Evangelho é Judas: um homem que sempre, sempre tinha algo de amargo no coração, algo a criticar nos outros, sempre separado. Não sabia da doçura da gratuidade de viver com todos os outros. E sempre, esta ovelha não estava satisfeita – Judas não era um homem satisfeito! – fugia. Fugia porque era ladrão, ia para aquele outro lado, ele. Outros são luxuriosos, outros… Mas sempre escapam porque têm aquela escuridão no coração que o separa do rebanho. E aquela vida dupla, aquela vida dupla de tantos cristãos, e também, com dor, podemos dizer, sacerdotes, bispos… E Judas era bispo, era um dos primeiros bispos, eh? A ovelha perdida. Pobre! Pobre este irmão Judas como o chamava padre Mazzolati, naquele sermão tão bonito. ‘Irmão Judas, o que acontece no teu coração?’. Nós devemos entender as ovelhas perdidas. Também nós temos sempre algo, pequeno ou nem tanto, das ovelhas perdidas”.

Aquilo que faz a ovelha perdida – destacou o Papa – não é tanto um erro quanto uma doença que está no coração e da qual o diabo tira proveito. Assim, Judas, com o seu “coração dividido, dissociado”, é “o ícone da ovelha perdida” e que o pastor vai procurar. Mas Judas não entende e “no final quando viu aquilo que a própria vida dupla provocou na comunidade, o mal que semeou, com sua escuridão interior, que o levava a fugir sempre, procurando luzes que não eram a luz do Senhor mas luzes como enfeites de Natal”, “luzes artificiais”, “se desesperou”. O Papa comentou:

“Há uma palavra na Bíblia – o Senhor é bom, também para estas ovelhas, nunca deixa de procurá-las – há uma palavra que diz que Judas se enforcou, enforcou e ‘arrependido’. Eu creio que o Senhor tomará aquela palavra e a levará consigo, eu não sei, talvez, mas aquela palavra nos faz duvidar. Mas essa palavra o que significa? Que até o final o amor de Deus, trabalha naquela alma, até o momento do desespero. E esta é a atitude do Bom Pastor com a ovelha perdida. Este é o anúncio, a boa notícia que nos traz o Natal e nos pede essa sincera alegria que muda o coração, que nos leva a nos deixarmos consolar pelo Senhor, e não as consolações que procuramos para tentar desabafar, para escapar da realidade, escapar da tortura interior, da divisão interior”.

Jesus, quando encontra a ovelha perdida não a insulta, ainda que tenha feito tanto mal. No Jardim das Oliveiras chama Judas “Amigo”. São as carícias de Deus:

“Quem não conhece as carícias do Senhor não conhece a doutrina cristã! Quem não se deixa acariciar pelo Senhor está perdido! É esta a boa notícia, esta é a alegria sincera que nós hoje queremos. Esta é a alegria, esta é a consolação que buscamos: que venha o Senhor com o seu poder, que são as carícias, a encontrar-nos, para nos salvar, como a ovelha perdida e a nos levar para o rebanho de sua Igreja. Que o Senhor nos conceda esta graça, de esperar o Natal com as nossas feridas, com os nossos pecados, sinceramente reconhecidos, para esperar o poder desse Deus que vem nos consolar, que vem com poder, mas o seu poder é a ternura, as carícias que nasceram do seu coração, o seu coração tão bom que deu a vida por nós”.

(Rádio Vaticano)

21 frases iluminadoras de São João da Cruz, místico e doutor da Igreja

Por | FORMAÇÕES

Santa Teresa de Ávila o definiu como “uma das almas mais puras da Igreja”: maravilhe-se com sua sabedoria!

  1. Ao entardecer desta vida, serás examinado no amor.
  2. Onde não existe amor, coloca amor e amor encontrarás.
  3. Quanto mais uma alma ama, tanto mais perfeita é naquilo que ama.
  4. A alma que caminha no amor não se cansa.
  5. Com mais abundância e suavidade se comunica Deus nas adversidades.
  6. Sem caridade, nenhuma virtude é graciosa diante de Deus.
  7. Um só pensamento do homem vale mais que o mundo todo; portanto, só Deus é digno dele.
  8. Procurai lendo e encontrareis meditando; chamai orando e abrir-se-vos-á contemplando.
  9. Para se enamorar de uma alma, Deus não põe os olhos na sua grandeza, mas na grandeza da sua humildade.
  10. Deus não obra as virtudes na alma sem a sua cooperação.
  11. Um ato de virtude gera na alma suavidade, paz, consolação, luz, pureza e fortaleza.
  12. Deus humilha muito para elevar muito.
  13. Quem age com tibieza está próximo da queda.
  14. Grande mal é olhar mais aos bens de Deus que ao próprio Deus.
  15. Se queres chegar à posse de Cristo, jamais O procures sem a cruz.
  16. Mais do que quantas obras possas fazer, Deus prefere de ti a pureza de consciência, ainda que no menor grau.
  17. Quem cai estando só, caído a sós fica; e em pouca conta tem a alma, pois unicamente em si mesmo confiou.
  18. A sabedoria entra pelo amor, pelo silêncio e pela mortificação; grande sabedoria é saber calar e não olhar aos ditos, aos feitos e às vidas alheias.
  19. Quem não procura a cruz de Cristo não procura a glória de Cristo.
  20. Agrada mais a Deus uma obra, por pequena que seja, feita às escondidas e sem desejo de que saibam, do que mil feitas com desejo de que os homens as conheçam.
  21. A maior necessidade que temos para progredir é calar o apetite e a língua diante do grande Deus, pois a linguagem que Ele mais ouve é o amor calado.

Das grandes conquistas da vida, a maior é saber amar

Por | FORMAÇÕES

“O amor é quando minha mãe faz café para o meu pai e bebe um golinho antes de lhe dar para saber se está realmente bom.” (Danny, 7 anos)

Saber amar é a maior conquista da vida. Quando aprendemos a amar – mas amar de verdade – obtemos um novo grau de compreensão acerca das relações da vida. Amar é emoção e também razão. Amar não pode ser definido por dicionário algum.

Eu acho trágica a forma como funcionam as relações hoje em dia. Claro, todos somos imperfeitos, mas a maioria tem uma visão romantizada demais do que é amor. Amar não é encontrar sua alma gêmea; amar não é dividir a vida com alguém – isso é apenas uma expressão do amor. Mas amar deveria ser tão natural como respirar, deveria ser automático.

O nosso mundo anda tão egoísta e tão desumano que fomos nos afastando e removendo de nós essa magnífica capacidade que temos. Somos chamados de trouxas, de babacas, de iludidos, de idiotas… e por aí vai: a lista é longa. Hoje em dia amar é banal, é ridículo. Pois que seja. Eu ainda acho que amar é a maior cura que você pode realizar na sua vida. Mas uma coisa é fato: ninguém ama ninguém sem antes se amar.

Amar é perdão, é admiração, é contemplação. E nossa, como é difícil perdoar, admirar e contemplar! Guardamos tanto rancor, tantas mágoas, tanto veneno e nem sequer percebemos que os danos são nossos. Sabe aquela frase “o que você pensa de mim é problema seu?”. Pois bem. Nós dizemos muito isso, mas não sabemos pensar no contrário – “o que eu penso de ciclano é problema meu”. As pessoas não têm nada a ver com isso, não mesmo. Amar é saber olhar o mundo com os olhos dos outros, é fazer-se menos egoísta, é fazer REALMENTE o bem, o que deve ser feito.

Todo dia eu escuto alguma fofoca, basicamente. E as pessoas costumam falar dos outros como se tivessem a vida perfeita. “Você viu o que aconteceu com ela? O marido a traiu. Também, baranga desse jeito, não era pra menos”; “Nossa, ele é tão quieto, o que tem de errado com ele?”. O único que posso pensar é: DEIXEM AS PESSOAS EM PAZ. Fiquem em paz. Se você é tão crítico, aproveite e faça as mudanças necessárias na sua vida; mas, por favor, deixem as pessoas em paz.

Cada um se veste como quer, cada um se relaciona com quem quiser, cada um frequenta os lugares que quer. Se não tá influenciando a sua vida, pra quê se meter? Deixa a pessoa se tatuar, ou deixe ela não gostar disso; deixe ela pintar o cabelo de arco-íris, ou deixe ela não gostar disso; deixe-a ser religiosa, ou deixe ela protestar contra isso. Tanta gente tira a vida dos outros por não concordar com a escolha do outro. Mas não adianta: a felicidade se chama amor.

A gente tem que saber conviver com o diferente, isso também é uma expressão do amor. Nós não somos deuses para julgarmos os outros pelos atos. Aceitar o diferente é um dom e uma forma de crítica. Sempre que você se pegar julgando, pense: ele está no seu direito.

Mas claro, para isso, há de se estar no direito. Não podemos ser levianos a ponto de acharmos que um ladrão ou um assassino ou um mentiroso está no seu direito. Não. O que eu digo tem a ver com tolerância. Vejo tantas correntes que, para lutar por seus ideais, precisam destruir outros. Isso é manifestação de ódio. Para exigir amor, você primeiro precisa dar. Para exigir respeito, você precisa dar. A gente só dá o que tem – lembre-se disso antes de julgar. Se você não está recebendo amor, reveja suas ações: provavelmente você não o está dando.

Roteiro – Natal, o amor de Deus revelado – 19 a 25 de dezembro

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Leiam o roteiro com atenção. Ore e estude a proposta e a palavra de Deus com antecedência.

Líder, incentive e participe do Grupo Parusia de Oração!

(Relembrar e pedir se fizeram o evangelismo da Semana anterior)

Download do Roteiro da Semana

Roteiro-da-reuniao-de-celula-semanal-19-a-25-de-dezembro

Todos os pactos em folha única

Pacto de Confianca

==========================================================================================

Download da declaração de Ideais para Imprimir: DECLARAÇÃO DE IDEAIS

Confira também o livreto de boas vindas à Célula em: LIVRETO DE BOAS VINDAS

Download da Tabela Periódica Bíblica = TABELA PERIODICA BIBLICA

Como ler a Bíblia = COMO USAR A BIBLIA