Todos os post de

WebMaster Comunidade Fidelidade

Papa: Deus sonha coisas belas para seu povo

Por | PALAVRA DA IGREJA

Deus reconcilia e pacifica caminhando com o seu povo. É o que disse o Papa na missa matutina na Capela da Casa Santa Marta, nesta terça-feira (8/9). Francisco se inspirou na memória do nascimento de Nossa Senhora para destacar que todos somos chamados a ser humildes e próximos aos nossos irmãos, como nos ensinam as Bem-aventuranças e o capítulo 25 do Evangelho de Mateus.

“Como Deus reconcilia”, “qual é o estilo de reconciliação de Deus”?  Francisco desenvolveu sua reflexão a partir destas interrogações no dia em que se recorda o nascimento de Maria. A tarefa de Jesus, disse, foi aquela de “reconciliar e pacificar”, Mas, advertiu: para reconciliar, Deus não faz “uma grande assembleia”, não assina “um documento”. Deus, afirmou, “pacifica com uma modalidade especial. Reconcilia e pacifica no caminho”.

“Mas, também no caminho: caminhando. O Senhor não quis pacificar e reconciliar com a vareta mágica: hoje – tuf! – tudo feito! Não. Colocou-Se a caminhar com o seu povo e quando ouvimos este trecho de Mateus: mas, é um pouco chato, não? Isso gerou isso, isso gerou aquilo, isto gerou aquilo… É um elenco: mas é o caminho de Deus. O caminho de Deus entre os homens, bons e maus, porque neste elenco estão santos e criminosos pecadores, também. Há tanto pecado, aqui. Mas Deus não se assusta: caminha. Caminha com o seu povo”.

E neste caminho, acrescentou: “faz crescer a esperança do seu povo, a esperança no Messias”. O nosso, disse o Papa ao recordar um trecho do Deuteronômio, é um “Deus próximo”. Caminha com o seu povo. E, descreveu, “este caminhar com bons e maus nos doa o nosso estilo de vida”.

Deus sonha coisas belas para seu povo

Como, portanto, sendo cristãos, devemos caminhar para pacificar como fez Jesus, questiona o Papa? Colocando em prática o protocolo do amor para com o próximo, é a sua resposta, o capítulo 25 do Evangelho de Mateus:

“O povo sonhava a libertação. O povo de Israel tinha este sonho porque recebeu a promessa de ser libertado, de ser pacificado e reconciliado. José sonha: o sonho de José é como a síntese do sonho de toda esta história do caminho de Deus com o seu povo. Mas não só José tem sonhos: Deus sonha. O nosso Pai, Deus, tem sonhos, e sonha coisas belas para o seu povo, para cada um de nós, porque é Pai e, sendo Pai, pensa e sonha o melhor para os seus filhos”.

Na nossa dimensão, há tudo: a paz e a reconciliação de Deus

Deus é onipotente e grande, disse Francisco, mas nos “ensina a fazer a grande obra da pacificação e da reconciliação no nosso contexto, no caminho, em não perder a esperança com aquela capacidade de sonhar grandes sonhos, grandes horizontes”. Hoje, destacou, na comemoração de uma etapa determinante da história da Salvação, o nascimento de Nossa Senhora, peçamos a graça da unidade, da reconciliação e da paz”:

“Mas sempre em caminho, em proximidade com os outros, como nos ensinam as Bem-aventuranças e Mateus 25, e também com grandes sonhos. E prossigamos a celebração, agora, do memorial do Senhor no nosso contexto: um pequeno pedaço de pão, um pouco de vinho…. Mas nesta pequena dimensão há tudo. Está o sonho de Deus, está o seu amor, está a sua paz, está a sua reconciliação, está Jesus: Ele é tudo isto”.

Fonte: Rádio Vaticano

Roteiro – Alegrai-vos sempre no Senhor! Viver como a palavra pede – 07/09 a 13/09

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Atenção! Confira se esta no roteiro da semana correta.  Este roteiro é para semana de 07/09 a 13/09

=> Download da versão para Impressão ou dispositivos – ROTEIRO DA REUNIAO DE CELULA SEMANAL – 0709 a 1309

Encontro

  • Fraternidade: Oração e Partilha do Lanche e Entrosamento. Líderes devem incentivar o assunto sobre a festa da multiplicação que acontecerá dia 03 de outubro na Fidelidade. Muito importante salientar a necessidade da presença de todos!

Exaltação

  • Salmo e músicas: Salmo 143 (NTLH)  –  142 (Ave Maria)
  • Oração: Ore impondo as mãos sobre os doentes e necessidades maiores! (Dedique um tempo maior nesta noite a oração por imposição das mãos.)

Edificação

  • Escritura: Filipenses 4.4-9
  • Frase para decorar: “Alegrem-se sempre no Senhor. Novamente direi: alegrem-se!

Partilha do Líder: Nada vale mais a pena neste mundo que viver com Cristo. A alegria do Senhor é uma marca registrada na vida de uma pessoa que experimentou a nova vida com Cristo.

Viver em novidade de vida é viver os ensinamentos de Cristo diariamente. Não podemos afirmar ser de Jesus se vivemos em desacordo com a palavra de Deus. Nada é mais incoerente do que dizer amar Jesus e não seguir seus mandamentos.

Viver com Cristo é simplesmente maravilhoso e isso faz toda diferença.

APLICAÇÃO PESSOAL – (Líder, pergunte e aguarde as partilhas…. Ouça todos primeiro, motive…)

  1. O que o texto de Filipenses afirma, que já é uma realidade em sua vida?
  2. A alegria que é citada no texto pode ser vivida quanto passamos por lutas, compartilhe uma dificuldade que você passou onde experimentou o cuidado de Deus e a paz citada no texto lido? Sejamos breves e específicos para que todos possam partilhar.
  3. Qual dos conselhos relatados no texto que você gostaria de aplicar em sua vida nesta semana? Que benefícios isso traria para você e sua família?

CONCLUSÃO

Nem sempre estamos vivendo como a palavra nos pede, mais podemos contar com a misericórdia e perdão. Retomar o caminho da fé e prosseguir. Mesmo nas tristezas e desilusões da vida, quando estamos com Jesus, tudo é superado.

Evangelismo

  • Colheita: Durante esta semana vamos aplicar o que ouvimos da palavra, colocar aos poucos em pratica essas ações conforme o Senhor vai nos dando oportunidade.

Avisos: Lembrar a célula da importância de participar das missas dominicais e do Grupo Parusia, principalmente da Grande Célula todos os primeiros sábados do mês. Convidar para ajudar na limpeza do salão SJPII conforme escala recebida. Está chegando a multiplicação!

Entrega

  • Rezemos pela Comunidade Fidelidade e sua obra. Rezarem pelos líderes de sua célula, por novos líderes (auxiliares) e discípulos e pela Multiplicação de sua célula que acontecerá dia 03/10/2015.
  • Vamos orar agradecendo pela Viagem de Daniel e Marcio à Roma com Papa Francisco.

Roteiro – Confronto no Coração – 06 de Setembro de 2015

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Roteiro para Célula Jovem –> ROTEIRO DA REUNIAO DE CELULA JOVEM – 06 de Setembro

Encontro

  • Fraternidade: Oração para Partilha do Lanche e Entrosamento.

Exaltação

  • Salmo e músicas: Salmo 144 / Eu te busco.

Edificação

  • Escritura: MARCOS 12, 28-34 / I João 4:19

Partilha do Líder

A pós-modernidade tem sustentado um discurso de que a felicidade está no próprio homem, na satisfação de suas vontades e que devemos “ser felizes acima de qualquer coisa”.

Enquanto o mundo afirma que a felicidade está no homem, nós devemos aprender diariamente que feliz é aquele que vive no centro da vontade de Deus. Mas porque amar a Deus acima de todas as coisas? Encontramos a resposta em I João 4:19 – “nós o amamos porque Ele nos amou primeiro.”

Em nossos corações travamos grandes batalhas espirituais e por isso precisamos colocar Deus como primeiro em nossas vidas, amá-lo acima de qualquer pessoa ou situação. Ele deve ser aquilo o que temos de mais precioso.

Quando fazemos isso permitimos que Ele controle nossas emoções e nos fortaleça diariamente para enfrentar as tempestades que a vida coloca em nosso caminho. Se nosso coração estiver em Cristo, todo o nosso corpo também estará; nossos relacionamentos serão fortalecidos e assim poderemos amar àqueles que estão a nossa volta.

Aplicação Pessoal

  1. Como você avalia sua vida? Será que tem expressado seu amor a Deus por meio de atitudes? Como podemos expressar esse amor diariamente?
  2. Qual a importância de colocar Cristo acima de nossos relacionamentos?
  3. Será que mesmo em meio às dificuldades você tem conseguido manter seus olhos em Cristo? O que fazer para mudar essa atitude?

Conclusão: O amor a Deus deve ser nossa maior motivação, nossa prioridade. Quando invertemos a ordem de prioridades nossas emoções e sentimentos são afetados, porque transferimos para pessoas pecadoras.

As dificuldades fazem parte da vida cristã. Nem Cristo passou por uma vida sem conflitos com outras pessoas. O verdadeiro cristão tira os olhos de sua própria dor e olha para o Pai, assim como fez Cristo. Ficar olhando para a dor não mudará a situação.

Avisos: Lembrar a célula da importância de participar das missas e do grupo Parusia, principalmente da Grande Célula todos os primeiros sábados. Jovens que puderem ajudar nas limpezas do salão.

Evangelismo

  • Colheita: A intenção é conduzir o grupo a perceber que o amor ao próximo e a força para vencer momentos de dificuldades passa pelo relacionamento individual com Deus. Principalmente na família.

Entrega

  • Rezemos pela Comunidade Fidelidade e sua obra. Para que a célula jovem cresça e se multiplique.
  • Rezarem pelos líderes de sua célula, por novos líderes (auxiliares) discípulos e pelas Intenções dos irmãos.

 

Cuide do seu casamento assim e nunca se arrependerá dele

Por | PARTILHA DO FUNDADOR

MEU CÔNJUGE É O MEU CAMINHO, MINHA VIDA, MEU LAR, O LUGAR NO QUAL DESCANSO E ME ENCONTRO COM DEUS

É importante encontrar espaços nos quais possamos crescer em nosso caminho. Cuidar da cumplicidade quando estamos juntos, sozinhos ou em público. Tratar-nos com delicadeza, sem nos ferirmos.

Nunca deixar que o outro se sinta sozinho. Que saiba que estou aqui, ao seu lado, caminhando em sua vida, quando ele está perto ou longe. Também quando estamos com mais gente.
Não contar sobre nossa vida íntima a outras pessoas. O que vivemos é nosso e ninguém precisa conhecer. Não rir nem reclamar dele diante dos outros. Viver a castidade também é guardar sua dignidade, sua honra, sua fama, seu nome, sua imagem.
É importante cuidar da intimidade conjugal a todo momento. Cuidar desse espaço no qual podemos nos entregar por inteiro. Cuidar do descanso e do diálogo. Que possamos estar juntos sem interferências.
Que o celular, o trabalho, a televisão, os seriados não nos façam deixar de cuidar do amor. Precisamos cuidar do que é nosso, desses tempos sagrados nos quais compartilhamos a vida.
Que não nos dispersemos nos amigos, nas reuniões familiares, sociais. O cônjuge é sempre a prioridade.
Por ele, faço coisas que jamais faria por outra pessoa, e deixo de fazer outras que gostaria de fazer. E faço isso feliz, porque o amo.
Por ele, deixei tudo. Por ele, começo de novo. Meu cônjuge é para mim o amor único, minha prioridade em tudo.
Quando éramos namorados, vimos na outra pessoa algo novo, que nos completava, complementava, encantava. O que era isso?
Agora é hora de recordar isso. Esse amor continua vivo na minha alma? O outro é o meu caminho. Minha vida. Meu lar. O lugar no qual descanso e me encontro com Deus.
O amor só é possível a partir dessa verdade. A partir da minha verdade, entrego-me inteiramente. E acolho a verdade do outro com alegria. Por isso, é fundamental nunca mentir, não ocultar coisas importantes que o outro deveria saber.
Não mentir com pensamentos, palavras ou segredos. Que minha vida seja transparente para o outro, limpa. Que ele saiba o que faço, o que sinto, o que me preocupa.
Meu olhar é muito importante. O olhar franco e verdadeiro. Puro e autêntico.
Como olho para meu cônjuge? Sou transparente, autêntico, verdadeiro?

Fonte: http://www.aleteia.org/pt/estilo-de-vida/artigo/cuide-do-seu-casamento-assim-e-nunca-se-arrependera-dele-5800345334710272

Roteiro – Relembrar e Reaprender a Orar – 31/08 a 06/09

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Atenção! Confira se esta no roteiro da semana correta.  Este roteiro é para semana de 31/08 a 06/09

=> Download da versão para Impressão ou dispositivos – ROTEIRO DA REUNIAO DE CELULA SEMANAL – 3108 a 0609

Encontro

  • Fraternidade: Oração e Partilha do Lanche e Entrosamento. Líderes devem incentivar o assunto sobre a festa da multiplicação que acontecerá dia 03 de outubro na Fidelidade.
  • Que alegria!!! Muito importante salientar a necessidade da presença de todos!

Exaltação

  • Salmo e músicas: Salmo 143 (NTLH)  –  142 (Ave Maria)
  • Oração: Ore impondo as mãos sobre os doentes e necessidades maiores! (Dedique um tempo maior nesta noite a oração por imposição das mãos.)

Edificação

  • Escritura: Tiago 4.2-3
  • Frase para decorar: “…. Não têm, porque não pedem. Quando pedem, não recebem, pois pedem por motivos errados, para gastar em seus prazeres. ”

Partilha do Líder: Você já teve a sensação de orar, pedindo algo a Deus, e não obter resposta? Isso é um engano, pois Deus sempre ouve e responde nossas orações, a questão é que às vezes a resposta é não ou espere. O texto de Tiago nos ajuda a pensar um pouco em como temos feito nossas orações. Vamos refletir juntos.

 

APLICAÇÃO PESSOAL – (Líder, pergunte e aguarde as partilhas…. Ouça todos primeiro, motive…)

  1. A primeira parte do texto fala de atitudes que são bem comuns em nossos dias. No seu entendimento, o que motiva essas atitudes no ser humano?
  2. Explique o que você entendeu da frase “não têm, porque não pedem”.
  3. Qual deve ser nossa atitude para com Deus quando oramos e pedimos algo?
  4. Compartilhe uma experiência sua, que foi resposta de oração, e procure explicar como você entendeu a resposta de Deus, mesmo sendo ela negativa.

CONCLUSÃO

A oração é o melhor meio de nos comunicarmos com Deus. Ele sempre ouve nossas orações. Mas lembre-se, a vontade de Deus sempre será soberana e sempre será o melhor para nós.

Deposite toda sua confiança e esperança em Deus, deixe Deus ser Deus em sua vida, pois no momento certo ele responderá suas orações.

Evangelismo

  • Colheita: Vamos investir tempo orando á Deus, pelos planos e sonhos do Senhor para nós e nossos filhos. Que sejamos famílias segundo o coração de Deus por gerações e gerações.

Avisos: Lembrar a célula da importância de participar das missas dominicais e do Grupo Parusia, principalmente da Grande Célula todos os primeiros sábados do mês. Convidar para ajudar na limpeza do salão SJPII conforme escala recebida. Está chegando a multiplicação!

Papa Francisco: o trabalho é sagrado e dá dignidade para a família

Por | PALAVRA DA IGREJA

O Papa Francisco deu continuidade ao ciclo de catequeses sobre a família, nesta quarta-feira, 19. Após falar sobre a festa na semana passada, o Pontífice abordou hoje o trabalho. Aos fiéis presentes na Sala Paulo VI, o Santo Padre destacou que “o trabalho é sagrado” e “dá dignidade a uma família”. Por isso, é preciso “rezar para que não falte o trabalho em uma família”.

Francisco recordo que o trabalho “se aprende em família. A família educa ao trabalho com o exemplo dos pais: o pai e a mãe que trabalham pelo bem da família e da sociedade”.

Neste sentido, citou o exemplo da Sagrada Família de Nazaré, que “aparece como uma família de trabalhadores, e o próprio Jesus é chamado de ‘filho do carpinteiro’, ou até mesmo de ‘o carpinteiro’”.

Recordando as palavras de São Paulo, o Santo Padre alertou sobre o falso espiritualismo, aqueles que “vivem às custas dos irmãos e irmãs ‘sem fazer nada’”. Conforme explicou, na concepção cristã, não existe contraste entre o “compromisso do trabalho e da vida do espírito”.

“É importante entender bem isso! Oração e trabalho podem e devem estar juntos em harmonia, como ensina São Bento. A falta de trabalho danifica também o espírito, como a falta de oração danifica também a atividade prática”, ponderou.

O trabalho, sublinhou o Papa, “é próprio da pessoa humana” e “exprime a sua dignidade de ser criada à imagem de Deus”. “Por isso, se diz que o trabalho é sagrado. E por isso a gestão do trabalho é uma grande responsabilidade humana e social, que não pode ser deixada nas mãos de poucos ou descarregada sobre um mercado divinizado. Causar uma perda de postos de trabalho significa causar um grave dano social”.

Francisco declarou, então, que se entristece quando vê “que há gente sem trabalho, que não encontra trabalho e não tem a dignidade de levar o pão para casa”. Por outro lado, disse alegrar-se ao ver “que os governantes fazem tantos esforços para encontrar postos de trabalho e para buscar fazer com que todos tenham um trabalho”.

Ao citar a passagem do Gênesis na qual Deus confia ao homem o cuidado e o trabalho na “casa-jardim”, o Papa retomou algumas ideias da Encíclica Laudato Sì. “A beleza da terra e a dignidade do trabalho são feitas para estarem juntas”.

Então, advertiu o Papa, “quando o trabalho se distancia da aliança de Deus com o homem e a mulher, quando se separa das suas qualidades espirituais, quando é refém da lógica só do lucro e despreza os afetos da vida, a degradação da alma contamina tudo: também o ar, a água, a erva, o alimento… A vida civil se corrompe e o habitat se destrói. As consequências atingem sobretudo os mais pobres e as famílias mais pobres”.

Francisco alertou ainda que “a organização moderna do trabalho mostra, às vezes, uma perigosa tendência a considerar a família como um obstáculo, um peso, uma passividade para a produtividade do trabalho. Mas nos perguntemos: qual produtividade? A considerada ‘cidade inteligente’ é sem dúvida rica de serviços e de organização; porém, por exemplo, é muitas vezes hostil às crianças e aos idosos”.

Diante desse contexto, o Pontífice afirmou que “a família é um grande teste”. E observou: “Quando a organização do trabalho a tem como refém, ou até mesmo obstrui o seu caminho, então estamos certos de que a sociedade humana começou a trabalhar contra si mesma!”.

Neste cenário, Francisco declarou que as famílias cristãs têm uma grande missão, trazer os fundamentos da criação de Deus: “a identidade e a ligação do homem e da mulher, a geração dos filhos, o trabalho que torna doméstica a terra e habitável o mundo”.

E concluiu: “A perda destes fundamentos é algo muito sério, e na casa-comum já existem muitas fissuras! A tarefa não é fácil. É preciso fé e perspicácia”.

Roteiro – Atos de bondade e a fé verdadeira – 23 de agosto de 2015

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Roteiro para Célula Jovem –> ROTEIRO DA REUNIAO DE CELULA JOVEM – 23 de Agosto

Encontro

  • Fraternidade: Oração para Partilha do Lanche e Entrosamento.

Exaltação

  • Salmo e músicas: Benção sobre benção!

Edificação

  • Escritura: Tiago 2.14-17

Partilha do Líder

É impressionante como temos uma facilidade de “espiritualizar” situações e necessidades vividas pelas pessoas ao nosso redor, que até nos comovem e nos fazem refletir sobre algumas atitudes nossas, mas que na verdade, não nos faz ter uma atitude ativa diante da necessidade exposta.

O texto que lemos nos traz à tona uma realidade que precisa ser verdadeiramente vivida. Fé sem obras é morta e obras sem fé de nada adianta.

 

Aplicação Pessoal

 

  1. Como você tem se comportado diante das necessidades expostas pelas pessoas que estão à sua volta?
  2. A Fé verdadeira deve ser evidenciada por atos de bondade (boas obras). Explique o que você entende sobre essa afirmação.
  3. Cite três atos de bondade que sua célula pode realizar para evidenciar a fé verdadeira que professamos. Agora, escolham ao menos um dos muitos atos de bondade citados, arregacem as mangas e “MÃOS À OBRA”

 

Conclusão: Nossas Células têm o privilégio de experimentar o amor e o cuidado que temos recebido de Cristo. Desenvolver atos de bondade é uma grande ferramenta para mostrar o poder transformador que Jesus pode fazer em nossas vidas! O desafio está lançado, agora a decisão é de vocês!

Avisos: Lembrar do Livro de intenções que será levado para Roma. Também lembrar a célula da importância de participar das missas e do grupo Parusia, principalmente da Grande Célula todos os primeiros sábados. Jovens que puderem ajudar nas limpezas do salão.

 

Evangelismo

  • Colheita: A Maneira mais eficaz de mudar conceitos ruins sobre a Célula e sobre nossa pessoa são os testemunhos. Vamos testemunhar com atos de fé e bondade para que outros sintam desejo de fazer parte do Reino de Deus, pelas células ou por alguma vocação especifica. Rezemos pelos que não participam mais da célula.

Entrega

  • Rezemos pela Comunidade Fidelidade e sua obra. Para que a célula jovem cresça e se multiplique.
  • Rezarem pelos líderes de sua célula, por novos líderes (auxiliares) discípulos e pelas Intenções dos irmãos.

 

Roteiro – Herança – O que deixaremos para nossos descendentes – 24/08 a 30/08

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Atenção! Confira se esta no roteiro da semana correta.  Este roteiro é para semana de 24/08 a 30/08

=> Download da versão para Impressão ou dispositivos – ROTEIRO DA REUNIAO DE CELULA SEMANAL – 2408 a 3008

Encontro

  • Fraternidade: Oração e Partilha do Lanche e Entrosamento. Líderes devem incentivar o assunto sobre a festa da multiplicação que acontecerá dia 03 de outubro na Fidelidade. Que alegria. Muito importante salientar a presença de todos!

Exaltação

  • Salmo e músicas: Salmo 89 (NTLH)  –  88 (Ave Maria)
  • Oração: Ore pela multiplicação de sua Célula e necessidades para que ela multiplique.

Edificação

  • Escritura: Deuteronômio 6.5-7
  • Frase para decorar: “Amarás, pois, o SENHOR teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todas as tuas forças.”

Partilha do Líder: A louca rotina que vivemos no dia-a-dia tem consumido nosso tempo, nossas forças e, muitas vezes, tem nos feito desviar daqueles sonhos e planos que idealizamos.

O consumismo desenfreado tem nos levado a pensar somente em conquistas materiais e temos negligenciado nosso relacionamento com Deus, com nossos familiares, cônjuges e filhos.

A pergunta que fica para refletirmos é: “O que temos construído para deixar como herança para nossos descendentes”?

 

APLICAÇÃO PESSOAL

  1. O texto lido nos mostra que devemos amar a Deus acima de tudo, com todas as nossas forças. Em que você tem empregado sua energia?
  2. “… E estas palavras que, hoje te ordeno, estarão no teu coração…” Onde você tem “armazenado” as orientações que Deus tem dado para sua vida?
  3. “… E as ensinarás a teus filhos…”. Nós só podemos ensinar para nossos filhos ou para os mais jovens, aquilo que aprendemos e sabemos. Qual será o conteúdo que você deixará como herança para os seus filhos ou para os mais jovens que você?

COMPARTILHANDO

Ter um companheiro de caminhada é fundamental para que possamos dividir um pouco nossos fardos. Você tem investido tempo com o seu companheiro de fé? Experimente a alegria de abençoar e ser abençoado por ele!

Evangelismo

  • Colheita: Vamos investir tempo orando por nossas famílias, pelos planos e sonhos do Senhor para nós e nossos filhos. Que sejamos famílias segundo o coração de Deus por gerações e gerações.

Entrega

  • Rezemos pela Comunidade Fidelidade e sua obra. Rezarem pelos líderes de sua célula, por novos líderes (auxiliares) discípulos e pela Multiplicação de sua célula que acontecerá dia 03/10/2015.
  • Vamos orar agradecendo a Deus pelos irmãos da célula e pelas necessidades uns dos outros.

Avisos: Lembrar do Livro de intenções que será levado para Roma. Também lembrar a célula da importância de participar das missas e do Grupo Parusia, principalmente da Grande Célula todos os primeiros sábados do mês. Convidar para ajudar na limpeza do salão SJPII conforme escala recebida.

Roteiro – Uma geração de jovens comprometidos com Cristo – 16/08/2015

Por | ROTEIRO DAS CÉLULAS

Roteiro para Célula Jovem –> ROTEIRO DA REUNIAO DE CELULA JOVEM – 16 de Agosto

Tema da Reunião: Uma geração de jovens comprometida com Cristo

Encontro

  • Fraternidade: Oração para Partilha do Lanche e Entrosamento.

Exaltação

  • Salmo e músicas: A escolha – Onde estiverem dois ou três!

Edificação

  • Escritura: I Pedro 1.13–16

Partilha do Líder

O texto bíblico acima está nos desafiando a viver uma vida separada para Deus, longe de tudo que desagrada a Ele, tudo que não é compatível com os ensinos bíblicos. O texto é direcionado a todo aquele que entregou sua vida a Jesus.

Como você tem escolhido viver?

O quanto sua vida reflete a verdade deste texto?

Aplicação Pessoal

  1. Sua família tem jovens que estão experimentando uma vida dominada pelo Espírito Santo?
  2. Você tem sido modelo para os jovens da sua convivência, para que eles busquem viver de modo diferente do modelo do mundo?
  3. O que podemos fazer como igreja e como família para que os nossos jovens façam escolhas certas?

Qual foi a sua ação prática com relação com os irmãos de célula esta semana? Que tipo de contato você teve com eles?

 

Conclusão: Compartilhe com os demais um versículo da Palavra de Deus que tem sido importante em sua vida e que influencia e sua maneira de viver.

Avisos: Lembrar do Livro de intenções que será levado para Roma. Também lembrar a célula da importância de participar das missas e do grupo Parusia, principalmente da Grande Célula todos os primeiros sábados. Jovens que puderem ajudar nas limpezas do salão.

Evangelismo

  • Colheita: Deus fala conosco através de sua Palavra e nós falamos com Ele através da oração. Aproveite esse tempo e compartilhem seus agradecimentos e pedidos, e apresente-os diante de Deus em oração.

Entrega

  • Rezemos pela Comunidade Fidelidade e sua obra. Para que a célula jovem cresça e se multiplique.
  • Rezarem pelos líderes de sua célula, por novos líderes (auxiliares) discípulos e pelas Intenções dos irmãos.